assinado.jpg

Por que Escolher QUALYSÍNDICO?

01.

Gestão Profissional -  Embora o seu condomínio conte com serviços de uma administradora, é o síndico o responsável por uma boa gestão condominial. O síndico profissional além de trabalhar visando eficiência na gestão do condomínio, também planeja a redução de custos e melhor aproveitamento do orçamento, aumentando o controle do fluxo de caixa, por exemplo.

02.

Impessoalidade - Ao contratar nossos serviços de síndico profissional a impessoalidade é a principal caracteristica. Isto porque, em casos de conflitos internos, não há ligação emocional com nenhuma das partes. Logo, o síndico profissional é capaz de encontrar soluções e/ou alternativas que atendam primeiramente aos interesses do condomínio como um todo.

03.

Preservação e Valorização Patrimonial -  A atuação do síndico é equivalente a do gestor de negócios, já que dentre suas funções está a preservação e valorização patrimonial do condomínio contratante. Por exemplo, a escolha de um síndico profissional qualificado facilita a elaboração de cálculos para as previsões orçamentárias, evitando surpresas desagradáveis. Além disso, é sua função manter o condomínio em conformidade com a legislação, convenção, regulamento interno e as deliberações feitas em assembleias, o que certamente, evitará problemas e prejuízos financeiros.

04.

Capacitação da Equipe -  O síndico também é responsável pela contratação de outros profissionais do condomínio (porteiros, auxiliares da limpeza, jardineiros, vigilantes e até terceirizados, como engenheiros). O síndico profissional tem um olhar mais rígido ao fazer esses recrutamentos, organizando um processo de seleção que vise o profissional mais apto e o melhor custo benefício na contratação, levando ao condomínio uma equipe mais capacitada.

05.

Remuneração Fixa - A faixa salarial do síndico profissional depende da complexidade de cada condomínio. Ao negociar a remuneração com o síndico profissional, deve-se levar em conta alguns pontos importantes, tais como: número de unidades, número de visitas necessária no condomínio, quantidade das áreas de lazer, se há funcionários próprios ou terceirizados, se há administradora de condomínio e/ou é um serviço de autogestão e dentre outros. Se for analisar a fundo, o custo-benefício é altamente compensatório quando comparado ao pagamento das despesas e/ou multas de uma gestão ineficiente. Quando a função exercida pelo síndico morador não é planejada, os problemas serão inúmeros, mesmo que muitas vezes não haja má fé, a inexperiência acaba saindo caro ao condomínio. Toda a contratação é feita através de Pessoa Jurídica com emissão de nota fiscal pela prestação de serviço